Socioambiental

início>Coleta Seletiva

Coleta Seletiva



A coleta Seletiva foi implantada inicialmente em junho de 2016 na sede do Tribunal de Justiça.

Todo o material reciclável arrecadado é destinado ao sustento das 23 famílias de catadores de materiais recicláveis da Cooperativa de Recicladores de Lixo Urbano de Maceió (Cooplum).

A sensibilização dos servidores em prol do consumo e descarte consciente dos resíduos sólidos tem mobilizado mais pessoas a contribuir com a iniciativa.

Além de auxiliar na preservação do meio ambiente e solidariedade, os dois servidores que cumulam maior quantidade de material são premiados ao fim de cada mês.

O recebimento dos resíduos coletados na sede do TJ/AL acontece às segundas e terças-feiras, das 7h às 9h30 e das 13h às 14h30. Nas segundas, a entrega deve ser feita no estacionamento interno do Tribunal. Já nas terças-feiras, na garagem do subsolo.

Além do que é trazido pelos servidores, são coletados materiais descartados nas salas e dependências do prédio-sede, que contam com lixeiras em duas cores de sacos plásticos. No saco preto, o servidor deve descartar lixo orgânico e não reaproveitável. Já no azul, os materiais reaproveitáveis.

Desde sua implantação a coleta seletiva tem obtido resultados crescente conforme gráfico abaixo.

Coleta Seletiva
Expansão para outras unidades

As premiações da coleta seletiva, baseadas pela resolução TJ/AL 23 de outubro de 2017, são mensais e podem ser acompanhadas por qualquer servidor através de link no Intrajus que atualiza semanalmente o Ranking dos servidores que colaboraram com a Coleta Seletiva.