Corregedoria - 23/08/2019 - 10:55:23
Corregedoria Geral da Justiça realiza inspeção na Comarca de Penedo
Desembargador Fernando Tourinho estabeleceu diálogo aberto com magistrados e servidores e coletou informações básicas para atender às necessidades do Fórum

Corregedor Fernando Tourinho dialoga com servidores do Fórum de Penedo. Foto: Itawi Albuquerque Corregedor Fernando Tourinho dialoga com servidores do Fórum de Penedo. Foto: Itawi Albuquerque
Corregedoria Geral da Justiça realiza inspeção na Comarca de Penedo

O corregedor-geral da Justiça, desembargador Fernando Tourinho, e os servidores Newton de Moura e Marcos André Lisboa realizaram uma inspeção no Fórum de Penedo, Litoral Sul de Alagoas, nesta quinta-feira (22). Na oportunidade, houve diálogo com magistrados e servidores, com o objetivo de coletar informações sobre a estrutura das unidades e buscar atender às necessidades da Comarca.

“Penso que foi uma reunião produtiva, muitas sugestões foram oferecidas e a gente está levando para a Corregedoria para tentar pensar algumas delas. Saímos daqui com o compromisso de que os servidores vão procurar conversar mais, interagir mais, e, com certeza, oferecer um melhor serviço à sociedade penedense”, ratificou o corregedor Fernando Tourinho.

Em reunião no salão do júri do Fórum, o corregedor discutiu sobre logística de trabalho, passou instruções e sanou dúvidas de dezenas de servidores. “A Corregedoria está de portas abertas. Qualquer dúvida do servidor passa a ser dúvida da Corregedoria. Podem nos ligar ou comparecer, que teremos o maior prazer de atendê-los”, comentou.

A analista judiciária Josinete Santos Chaves, que atua na 1ª Vara da Infância e Juventude há 16 anos, comentou sobre a importância da proximidade da Corregedoria Geral da Justiça (CGJ/AL) com as comarcas do interior do Estado.

“A vinda do corregedor é muito importante, porque ele veio analisar como nós estamos trabalhando, o movimento do Fórum e as reformas que foram feitas. A gente, como funcionários, vai ganhar uma melhor qualidade de trabalho e isso reflete nos jurisdicionados”, disse.

O diretor do Fórum de Penedo, Antônio Joaquim Machado, afirmou que a presença do corregedor na unidade permite um diálogo mais direto com servidores e magistrados e isso reflete em uma melhor prestação jurisdicional.

“A gente fica mais próximo. A gente tem problemas, como qualquer unidade, e consegue resolver mais fácil, inclusive, buscar caminhos que talvez a gente não tivesse percorrido”, comentou.

Fernando Tourinho também ratificou a necessidade de estabelecer estratégias de gestão entre magistrados e servidores e, em especial, destacou a importância do papel de chefes de secretaria e dos assessores de juízes.

“Costumo dizer que o assessor é a pessoa que tem que complementar o juiz. A figura do assessor hoje é primordial para o melhoramento dos serviços prestados pelo magistrado. Um bom assessor vai aumentar a produtividade”, concluiu.

O assessor de juiz Alisson Renato Medeiros comentou que o diálogo com o corregedor tem o intuito de proporcionar proatividade no Fórum e, consequentemente, sanar dúvidas sobre o cumprimento de metas estabelecidas pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e pela Corregedoria local.

“O desembargador Fernando ressaltou a comunicação dentro da unidade; essa maior interação que os servidores terão que estabelecer, para que justamente haja essa conexão de trabalho e que isso reflita na boa prestação jurisdicional, tanto por parte das pessoas que trabalham no gabinete, como das pessoas que trabalham na secretaria”, disse.



Tourinho conversou com magistrado e servidores no Salão do Júri do Fórum de Penedo. Foto: Itawi Albuquerque


Niel Antonio – Ascom CGJ/AL

imprensacgj@tjal.jus.br - (82) 4009-7167


Curta a página oficial do Tribunal de Justiça (TJ/AL) no Facebook e acompanhe nossas atividades pelo Twitter. Assista aos vídeos da TV Tribunal, visite nossa Sala de Imprensa e leia nosso Clipping. Acesse nosso banco de imagens. Ouça notícias do Judiciário em nosso Podcast.