Coronavírus - 07/04/2020 - 10:25:30
Mais de 471 mil atos processuais em 20 dias de teletrabalho no TJAL
Presidncia enfatiza empenho de todos os integrantes do Poder Judicirio; Corregedoria diz que objetivos almejados esto sendo alcanados

O segundo balano da produtividade de magistrados e  servidores da rea judicial relativo ao regime de teletrabalho institudo no Poder Judicirio de Alagoas como forma de combate proliferao do coronavrus mostra que foram praticados 471.584 atos processuais, entre 16 de maro e 5 de abril.

Divulgados pela Presidncia e pela Corregedoria Geral da Justia, os nmeros so os seguintes: 37.663 despachos, 74.905 decises, 2.527 julgados em segundo grau, 10.924 julgados em primeiro grau, 18.174 processos baixados e 327.391 atos cartorrios praticados por servidores da rea judicial.

O presidente Tutms Airan enfatizou, mais uma vez, o empenho dos integrantes do Poder Judicirio. ?Todos esto trabalhando com muito afinco?, comentou. Ele tambm reforou que todas as ferramentas possveis esto disposio dos servidores para produzir enquanto se enfrenta a crise provocada pelo coronavrus.

"A Corregedoria tem acompanhado, unidade por unidade, e, no geral, observamos que h um esforo dos magistrados e servidores para que a prestao jurisdicional no seja to atingida com a situao causada pelo COVID-19. O que podemos dizer que, dentro do possvel, os objetivos almejados esto sendo alcanados?, explicou o juiz  Joo Paulo Martins, da CGJ.

O regime de teletrabalho foi institudo pela Presidncia do Tribunal de Justia de Alagoas (TJAL) e pela Corregedoria-Geral da Justia (CGJ) no dia 20 de maro como forma de preveno ao novo coronavrus. A medida segue resoluo do Conselho Nacional de Justia (CNJ).

Magistrados e servidores desempenharo as suas funes de forma remota at o dia 30 de abril. Os oficiais de Justia tambm atuam por teletrabalho, mas se deslocam para cumprir presencialmente determinaes judiciais urgentes.


Maikel Marques  - Dicom TJAL
imprensa@tjal.jus.br / 4009.3240/3141


Curta a página oficial do Tribunal de Justiça (TJ/AL) no Facebook e acompanhe nossas atividades pelo Twitter. Assista aos vídeos da TV Tribunal, visite nossa Sala de Imprensa e leia nosso Clipping. Acesse nosso banco de imagens. Ouça notícias do Judiciário em nosso Podcast.