Mutirão 27/05/2020 - 11:54:15
Mutirão 'Justiça de Mãos Dadas' já produziu 584 sentenças em sete comarcas
Força-tarefa, iniciada no último dia 5, tem sido feita por 18 assessores deslocados de unidades com demanda reduzida para auxiliar as varas mais congestionadas

O Mutirão Solidário - Justiça de Mãos Dadas, instituído pela Presidência do Tribunal de Justiça e pela Corregedoria, já produziu 584 sentenças e 24 decisões desde o dia 5 de maio. O trabalho, feito por 18 assessores, beneficiou sete comarcas do interior do estado.

A força-tarefa desloca assessores de unidades com demanda reduzida para auxiliar as varas mais congestionadas. Apenas na segunda semana de trabalho, foram produzidas 300 sentenças e três decisões, nas comarcas de Limoeiro de Anadia, Maravilha, Piaçabuçu, Joaquim Gomes, Cacimbinhas, Junqueiro e São José da Tapera.

A assessora Raíza Bastos, lotada na 6ª Vara Criminal de Maceió, é uma das que estão atuando no mutirão. 'Elaboro minutas de sentenças cíveis e criminais, conforme a meta semanal estabelecida e lista de processos selecionados pelos magistrados coordenadores do projeto', explicou.

Na avaliação da servidora, o mutirão presta um importante auxílio às comarcas, contribuindo especialmente com a redução dos processos conclusos para sentença. 'Dessa forma, é realizado um valioso trabalho, a fim de dar celeridade aos julgamentos', destacou.

O ato normativo que instituiu o mutirão tem prazo de 30 dias, podendo ser prorrogado, caso seja estendido o período de teletrabalho no Judiciário alagoano. O trabalho remoto segue nas unidades judiciárias do estado pelo menos até o dia 31 deste mês.


Diego Silveira - Dicom TJAL
imprensa@tjal.jus.br - (82) 4009-3141/3240






















LEGISLAÇÃO E NORMAS