300 anos 11/12/2020 - 07:48:41
CGJAL realiza doações a crianças e idosas de duas instituições de Maceió
Representantes do Lar da Menina e do Lar do Bom Samaritano apontaram as dificuldades que vêm enfrentando durante a pandemia; entrega foi feita nesta quinta-feira (10)

Foto: Itawi Albuquerque Foto: Itawi Albuquerque
Uma campanha de natal promovida por magistrados e servidores da Corregedoria Geral da Justiça de Alagoas (CGJAL) arrecadou fundos para beneficiar duas instituições de Maceió e as doações foram realizadas nesta quinta-feira (10). A primeira parada ocorreu no Lar da Menina, no bairro Gruta de Lourdes, onde foram entregues alimentos, roupas, brinquedos e chocolates a 19 meninas. A segunda, no Lar do Bom Samaritano, no Tabuleiro do Martins, com entrega de alimentos, produtos de limpeza e higiene pessoal para 23 idosas.

A coordenadora técnica do Lar da Menina, Rafaela Nascimento, disse que 2020 tem sido um ano de muita dificuldade para as crianças, principalmente nesse contexto de pandemia, com um número baixo de doações. 

“A gente está vivendo um ano muito atípico, complicado, e que tem sido muito diferente do que elas estão acostumadas. Não tínhamos nenhuma expectativa de receber presente de natal e agora elas estão recebendo. E o presente para a casa, que é o alimento, é tão importante quanto o presente que elas receberam de natal”, comentou.

O Lar da Menina também dá apoio às famílias das crianças que, segundo Rafaela, estão em situação de vulnerabilidade social. “As mães também precisam dessa contribuição. Essas doações tanto aproximam as meninas da sociedade, como também fazem com que o nosso trabalho seja visto. A gente faz um trabalho que ajuda a sociedade, que é formar cidadãs de bem. E um órgão como a Justiça é muito significativo, porque algumas meninas veem a Justiça ou a Polícia, por exemplo, como algo distante da realidade delas; e essas doações aproximam e mostram o real e efetivo papel da Justiça”, concluiu. 

Karla Mayara é uma das meninas que receberam presentes. Ela afirma que, mesmo durante a pandemia, com o distanciamento social, é possível que as pessoas sejam solidárias. “Para mim, representa que vocês tiraram um tempo, mesmo nessa época difícil, para nos presentear. Se organizaram e vieram aqui trazer amor e carinho, mesmo sem nos conhecer”, comentou.

No Lar do Bom Samaritano quem recebeu a equipe da Corregedoria foi a diretora administrativa Dolores Miranda, que ressaltou as dificuldades que a instituição tem sofrido durante esse período de distanciamento social. Emocionada, Dolores disse que as doações dão um reforço grande à unidade. 

“No momento, a importância dessas doações é muito grande, porque nessa pandemia nós estamos passando por dificuldades financeiras, e acho que todos os abrigos. Toda semana aqui tinha festinha, tinha culto e comemoração dos aniversários delas, mas tudo está suspenso. Sou muito grata a Deus e sou muito grata às pessoas que são tocadas para chegarem aqui, como vocês estão chegando nesse momento, para ajudar o Lar Bom Samaritano”, afirmou.

Quem tiver interesse em fazer doações pode entrar em contato com as instituições.

Lar do Bom Samaritano
R. São José, nº 100, Tabuleiro do Martins. Telefone: (82) 3374-3301.

Lar da Menina
Rua Eurico Acyole Wanderley, nº 835, Gruta de Lourdes. Telefone: (82) 3241-0668


Niel Antônio - Ascom CGJ/AL
imprensacgj@tjal.jus.br - (82) 4009-3826 | (82) 99104-9842






















LEGISLAÇÃO E NORMAS